03 março 2013

Monárquicos vencem vermelhos


Pela segunda vez consecutiva, o Príncipe Sukhumbhand Paripatra, destacado membro do Partido Democrático, vence as eleições para aquele que é considerado o segundo posto político mais importante do país. O Governador de Bangkok, bisneto do Rei Rama V, Paripatra é reconhecido pela honestíssima dedicação ao cargo e pela imparcialidade com que serve a população, dele nunca tendo corrido os mais leves rumores de gestão danosa, tráfico de influências, ligações perigosas e outras pechas que afectam a imagem da generalidade da classe política. 
Educado em Oxford, grande coleccionador e autor de obras de reconhecido valor para o estudo da arte siamesa, assim como outras no domínio das relações internacionais do Sião, Paripatra representa os sectores mais reformistas da classe política, pugnando pela defesa do ambiente, a separação entre negócios e serviço público, a transparência e escrutinação da governação e a exigência de participação dos munícipes na vida da capital.
A derrota dos vermelhos - ampla coligação de interesses económicos, especuladores do betão e gente do business com adamanes de "esquerda" reivindicativa; nada que não tenhamos por Lisboa - vem confirmar que o eleitorado, quando livre do caciquismo e da manipulação, da compra de votos e da coação que se sentem nos bastiões vermelhos da província, vota serenamente na honestidade.

Sem comentários: