12 novembro 2012

A inteligência do povo: uma mulher portentosa

3 comentários:

Isabel Metello disse...

Grande Mulher, pois, de facto, tem toda a razão: o tal famoso vídeo não assume as responsabilidades de todos os desvios de fundos comunitários. Ora, a desresponsabilização, quer individual, quer colectiva, nunca será um ponto de partida Justo para a reformulação identitária! Eleger bodes expiatórios externos só cauciona quem nos defraudou de facto et de juris! Com tantos sacos, tantas fundações, tantas despesas excedentárias até É Um Milagre de Nossa Senhora estarmos como estamos!
Do Brasil veio um Exemplo de responsabilização e enquanto esses Exempla não forem seguidos com Justiça, o barco afunda!
E eu não sou nada germanófila!

João Amorim disse...

caro Miguel

A figura pequena desta mulher só agiganta a sua personalidade e convicção. É cativante ouvir alguém que pensa pelo seu próprio cérebro.

abraço

Duarte Meira disse...


Uma "sancheler" do povo!

(Só é pena a velha mentalidade da mão estendida e da ajudinha...)