12 outubro 2012

A fúria da gerontocracia ou é altura de arranjarem outra vaca para ordenhar


O comboio dos indignados não cessa de encher em todas as estações, apeadeiros, linhas e ramais da pequena intriga. Agora, pegou a rábula do "governo dos rapazes" - uma variação daquele "governo das trapalhadas" que foi esquartejado por Sampaio - e nesse trend já embarcaram as sumas-mediocridades do PSD sem lugares e postos ministeriais. "Governo de rapazes". Afinal, qual o fundamento de tal acusação? Passos Coelho e Portas já dobraram há muito a casa dos cinquenta; não são "jovens" há, pelo menos, vinte anos. Cavaco foi a primeiro-ministro com 48, Pinto Balsemão com 44, Soares com 52, Sá Carneiro com 45, Salazar com 43. Argumento impugnado. Depois, os ministros. Todos os ministros do actual executivo têm entre 38 anos (Assunção Cristas) e 60 anos (Nuno Crato), quando é sabido que Marques Mendes foi ministro aos 35, Capucho aos 38, Jaime Gama aos 29, Durão Barroso aos 36, Medina Carreira aos 43. Argumento impugnado.
O assunto, de já tão glosado, merece que os seus inspiradores arranjem outra vaca para ordenhar.

 

Sem comentários: