23 agosto 2012

Os "repressores" recebidos como salvadores



As imagens foram ontem registadas no centro de Aleppo. As ruas desertas deram lugar a esta explosão de júbilo popular, quando as forças armadas terminaram a limpeza dos grupos terroristas - leia-se, freedom fighters - que se haviam instalado no coração da cidade e aí tinham instaurado uma amostra do poder nu, revolucionário e salafista, hoje em tão alta consideração nas chancelarias ocidentais. Ouvindo os nossos paupérrimos telejornais, só me apetece dizer "vão-se despir".

1 comentário:

Justiniano disse...

Sem dúvida, caro Castelo Branco " "vão-se despir" e nem se consegue perceber o grau sub zero de pensamento que percorre a media ocidental. Mas Vcmcê também lê mal - que se haviam instalado no coração da cidade - Continua crente nas virtudes inocentes!! Como se fosse possível tal pantanas movida apenas por excentricos desalmados vindos de longe ou de outros cantos que não do coração das cidades!!