21 agosto 2012

Da mono-arquia à diarquia bloquista


Afinal, o bloco é ainda mais que uma sociedade por quotas de responsabilidade limitada. Já se sabia que por ali funcionava um colectivismo sui generis, nas mãos da pandilha Louçã, pois a quem tivesse veleidades em adquirir acesso à sala dos acionistas maioritários, era indicada a porta de saída, a empurrões e pontapés, segundo o estado de espírito do António Conselheiro desta Utopia de bons vivants. António Conselheiro está cansado; aliás, gastou-se e o produto já não vende. Vai daí, indica sucessores, partindo do princípio que um profeta só pode ser substituído por dois apóstolos. Es lebe die Partei !

Sem comentários: