14 maio 2012

A loucura de um César negro



Agora disponível, um aterrador documentário sobre a ascensão ao poder solitário de um homem impreparado, mas também sobre os mitos que fizeram de África um desolado horizonte sem esperança. No Congo ex-belga como na Angola de hoje, o cinismo e o colaboracionismo dos ocidentais na perpetuação de cleptocracias. No caso de Mobutu, um epílogo que quase o desculpou por tantos e repetidos crimes caucionados pelos Chirac e Giscard deste mundo. O velho leão perdeu os dentes e as garras, mas não perdeu a fibra. Canceroso, voltou ao Zaire e deu luta aos Cabila, flagelo dos flagelos. Lembrando as Vidas Paralelas, de Suetónio, vejo nestes dias finais o fim de Eduardo dos Santos.

Sem comentários: