11 outubro 2011

Um Protukét nos céus da Tailândia



Já aqui tinha escrito sobre a minha família Protukét favorita. O pai, comandante na Armada Real tailandesa e chefe da comunidade católica luso-descendente, seguiu as pisadas de gerações e atingiu um posto de relevo nas Forças Armadas. O filho Net - que fala um português de meter inveja a um "português de cá" - recebeu as asas de aviador. Num tempo de carrancas e sobrolhos pesarosos, estes outros portugueses do Sião enchem-nos de orgulho.

Sem comentários: