02 junho 2011

Os nossos Childericos

Quadro de Evariste Vital Luminais, Chiderico tonsurado



Childerico III era um rapaz enfermiço, tímido e prisioneiro do Prefeito do Palácio, Pepino, o Breve. Descendia de uma grande linhagem de reis batalhadores, mas acabou tonsurado e entregue à guarda de uns piedosos monges dele compadecidos. Pepino limitou-se a pedir ao Papa que anulasse a sagração do Rei merovíngio, usurpou o lugar de Childerico e até lhe poupou a vida.

O destino de Childerico assemelha-se ao nosso. Grandes, ousados e temidos num passado ainda não distante, insultados, escarnecidos, ridículos hoje. Falta-nos o Pepino português - mas sem E.coli - para abrir as portas a uma nova dinastia, a nova raça, como se dizia na Idade Média. Que venha, depressa.

Sem comentários: