03 maio 2010

Sua Majestade canta



O antigo Rei Norodom Sihanouk é um mistério insondável. Do político irrequieto e errático deu conta a história contemporânea do povo khmér. Norodom possuiu outras graças. Foi realizador de cinema, contista e artista, mas reconhecem-lhe uma vocação escondida. Queria ter sido músico, mas a um deus vivo esse desejo foi negado. Ainda hoje, com quase 90 anos, entretém os convidados com as suas composições. A velha Ásia é sempre uma caixa de surpresas.

1 comentário:

Nuno Castelo-Branco disse...

Uma canção em homenagem a sua mulher, a rainha Monique?