20 março 2010

Bombas em Banguecoque

Há cerca de três horas foram detonados dois engenhos explosivos, o primeiro na sede da Comissão Nacional Anti-Corrupção, a instituição que tem desenvolvido infatigável trabalho de investigação sobre os crimes cometidos por Thaksin durante os anos em que foi chefe do governo e o segundo no Ministério do Interior. As agências tailandesas informam, entretanto, que o governo estuda a possibilidade de declarar o estado de sítio e a entrada em vigor de leis de excepção.

2 comentários:

Nuno Castelo-Branco disse...

Óptimo! Acaba-se com a brincadeira de vez. Já agora, emitam uma data de persona non grata para os desordeiros brancos e chineses que por aí andam a conspirar. Fora!

Gi disse...

Eu acho muito triste que o governo Tailandês possa vir a ser forçado a declarar o estado de sítio.