25 dezembro 2008

Um leitor embasbacado


De um declarado socialista recebi um mail onde não faltaram os votos de um Santo Natal. O leitor, assistente universitário, dizia-se embasbacado com a apologia que aqui faço do "Império", desculpando-me pela "nostalgia", que "não sendo de um extremista" (obrigado), é "difusa lembrança de tempos que não voltam". Caro leitor socialista, eu sou por tudo o que levante Portugal, por tudo quanto lhe restitua o amor-próprio, por tudo quanto nos fez e nos lustrou. Se tal sentimento for compartilhado por PS's, PSD's ou PP's, então estarei com eles. Se, porém, quiserem este Portugal portugalinho, sem glória, sem chama e sem luz, apartem-se e mim. Seria bom que os nossos preclaros socialistas, social-democratas e centristas pagassem aos seus digníssimos deputados viagens de estudo às obras e marcas, de pedra e sangue, de pedra e gente, que Portugal espalhou pelo mundo. Talvez se deixassem de europeísmos acocorados e mendicantes e se voltassem, de novo, para o Mundo que o Português Criou. Bom Natal.

5 comentários:

Bic Laranja disse...

Se bem que um pouco atrasado deixo-lhe daqui os votos de Feliz Natal e de um ano novo cheio de paz, saúde, e também bons sucessos.
Seu leitor a.v.o.

Gi disse...

Boas festas, Miguel, e que 2009 traga motivos para pôr nas suas fotos um sorriso :-)

joshua disse...

Como é que esta gente dos partidos pode aperceber-se da gigantesca obra portuguesa, talhada em séculos de entrega e partilha asiática, em esporos de Fé e cultura disseminados no mundo, se se enche de cio somente por se acantonar toda nos interessezinhos e na pequena mercearia dos lugares burocráticos de Lisboa ou em Estrasburgo?

Abraço, Miguel!
joshua

[Cheira à HORA!]

A.G.M. disse...

Feliz Natal. Apesar da hora não deixa de ser sincero o meu voto.
Depois de ler este post, só reforça a minha convicção, estes partidos portugueses não são mais que oligarquias que funcionam para lucro pessoal e seus associados. Têm somente como base Portugal. Podiam estar noutro, como por exemplo no Alto Volta ou em qualquer pais da América do sul.
Felicidades para si.

Escola Sede disse...

As criaturas de mentes acanhadas que nos governam desconhecem completamente o que foi e sobretudo o que deve ser Portugal, porque ignoram a nossa história e principalmente porque nunca viram Portugal de fora das suas ancestrais fronteiras medievais.

Nessa visão exígua de Portugal, nem sequer vislumbram nada para lá do Guadiana onde não sentem a amputação de Olivença.

São uns pobres de espírito, em todas as acepções da expressão!...

Mário Rodrigues