24 dezembro 2007

Feliz Natal



Para o João Gonçalves, o meu despertador matinal, que me faz gargalhar e indignar, um Natal cheio de Paz e Irreverência, duas coisas desaparecidas do espírito e dos modos dos portugueses.

Sem comentários: