21 agosto 2007

Antes da morte da Europa



Mein Liebeslied muß ein Walzer sein ( Robert Stolz): Stan Meus (tenor)
Vienna 1900: Art, Life & Culture ou o ocaso luminoso do espírito europeu, recentemente publicado, convida a séria reflexão sobre o descaminho que uma sociedade tolerante, curiosa e experimentalista pode levar quando sucumbem subitamente a riqueza, a autoridade benigna e a cultura se perverte, transformada em ariete político. Prolongando o clássico Viena de Freud, de Bruno Bettelheim, e essa verdadeira apoteose nostálgica que foi a exposição Viena 1900, que em 2005 tive a ventura de visitar no Quay d'Orsay, este estudo tem muito a ver com a Europa de hoje, placidamente adormecida na ilusão da "mentira real" de um regime perfeito.

Sem comentários: