11 abril 2007

Uma questão de carácter


D. Carlos I, que conhecia como ninguém os portugueses, concedeu em Novembro de 1907 uma entrevista a Joseph Gaultier, do parisiense Le Temps. Questionado a respeito da nomeação de João Franco para Primeiro-Ministro, limitou-se responder: "dá-me, como Primeiro-Ministro, garantias de carácter". É tudo ! Hoje só me apetece dizer, como o outro: "mon pays me fait mal". Não sei se se trata de um mitómano, de um burlão ou de um desgraçado, mas se eu fosse Presidente da República demitia-o esta noite, sem apelo nem agravo. Sinto-me defraudado e enganado. Sinto verdadeira revolta pelo estado a que tudo isto chegou. Isto é, verdadeiramente, um enclave de sub-desenvolvimento no seio da Europa.

Sem comentários: