14 janeiro 2007

Paulo Cunha Porto

Pouco depois das dez da noite de ontem deram-me a notícia. Era a Isabel e tinha más novas. Fiquei consternado por saber da dor em que se debaterá neste momento o nosso caríssimo Paulo. Caro Cunha Porto, para si e família, um abraço e os meus sentimentos.

Sem comentários: