13 dezembro 2006

Prendas de Natal


Recebi ontem a primeira prenda do Natal 2006, oferta de um mestre e amigo. Não resisti ao tabú e abri-o. As olheiras de hoje são o tributo que paguei por cinco horas de grandioso espectáculo vertido da tetralogia The Raj Quarters, de Paul Scott. O peso dos preconceitos e as desordens amorosas num cenário de crepúsculo imperial. Esta noite continua a saga.

Sem comentários: