01 setembro 2006

O jornalismo vai acabar

O jornalismo de papel vai acabar. Aliás, já acabou e só subsiste graças à tecnologia investida, aos mercenários pagos e à necessidade do público. Houve um tempo em que literatura, inteligência e cultura se sentavam em torno das rotativas. Hoje só temos disto. Compreendo agora o sucesso dos blogues.

Sem comentários: