08 junho 2006

Desinfectado !

Acabou. Foi desinfectado. Custou, mas, finalmente, o decapitador de Bangdad vai adubar uma tamareira. É o destino dos terroristas. Não sei o que vão fazer os mitómanos com a infame memória da criatura. Presumo que dentro de meses aparecerá em bandeiras e pins nas arruaças anti-mundialistas. É de bom tom não festejar a morte de um homem. Eu festejo. Com toda a exuberância ! O homem não prestava nem merece uma lágrima ou uma prece. O bestiário da história universal da infâmia fica mais rico; a humanidade, idem.

Sem comentários: